Não São Amigos Da Família: Raças De Cachorro Que Não São Os Melhores Com Crianças

PUBLICADO EM 07/16/2020
ANÚNCIO

Escolher Um Cachorro Não É Tão Simples

Escolher a raça correta de cachorro para você e sua família não é uma tarefa fácil, especialmente se você tem crianças pequenas. Mesmo que os cachorros sejam considerados os melhores amigos do homem, esse ditado varia de acordo com a raça do cachorro. É crucial que seu novo filhotinho se dê bem não apenas com você, mas também com sua família, crianças, convidados e vizinhos. Mesmo que todos os cachorros possam ser treinado, nem todos podem ser treinados para gostar de conviver bem com crianças. Acredite se quiser, mas ter certas raças de cachorro pode causar um aumento no seu seguro. Essas são as raças de cachorro que famílias deveriam ter receio ao deixar seus pequenos ao redor deles.

Escolher Um Cachorro Não É Tão Simples

Chihuahua

Apesar de chihuahuas serem pequenos e fofos, eles podem não ser a melhor escolha para você e sua família, especialmente se você tem crianças pequenas. Chihuahuas são conhecidos por mostrar dominância sobre os membros mais jovens de uma matilha. Eles aparentemente veem as crianças como membros da matilha, ficando com ciumes constantemente e se tornando agressivos com as crianças da família. Chihuahuas são uma raça bastante teimosa, frequentemente com mal temperamento, o que faz com que seja difícil de treiná-los.

Malamute Do Alasca

Os Malamutes do Alasco foram feitos para aguentar as condições mais extremas de clima. Eles foram criados para viver em locais isolados e congelantes. O modo de sobrevivência frequentemente toma lugar com essa raça, e eles são conhecidos por atacar animais pequenos, e crianças. O malamute é outra raça difícil de treinar, e ainda piores se sentem que seu dono é fraco. Se alguém na sua família sofre de asma, você também deveria ficar longe dos malamutes, que soltam muito pêlo.

Malamute Do Alasca

Rottweiler

A raça Rottweiler é conhecida por sua força e seu tamanho. Eles foram originalmente criados devido a suas capacidades físicas, e são frequentemente usados para guiar rebanhos e puxar carrinhos pequenos. Rottweilers podem agir de maneira violenta ao redor de estranhos, devido a sua lealdade e natureza corajosa. Essa raça é frequentemente usada como cachorros para a polícia ou cachorros de segurança. Els amam brincar, mas podem confundir uma brincadeira com uma ameaça real rapidinho.

Rottweiler

Bulmastife

Combinando o fato de que os bulmastifes não tem noção de seu tamanho, e que eles são mais agressivos do que outras raças, faz sentido que os pais de crianças pequenas fiquem preocupados em tê-los ao redor de seus pequenos. Mas, como qualquer cachorro, com o treinamento corretor, essa raça pode virar o melhor amigo da sua família. Eles mostram uma enorme lealdade à seus donos, frequentemente vendo a si mesmos como o líder da manada então evite mostrar sinaia de fraqueza na frente de seu bulmastife!

Bulmastife

São Bernardo

O famoso filme dos anos 90, Beethoven, foi responsável por tornar a raça São Bernardo famosa. Apesar de eles poderem ser treinados, sua natureza brincalhona faz com isso seja difícil. São Bernardos são muito dóceis com crianças, mas seu tamanho faz com que seja quase impossível que eles não derrubem tudo e todos no seu caminho. Eles são excelentes cachorros de família, mas sua estatura faz com que seja um pouco perigoso para crianças pequenas.

São Bernardo

Weimaraner

Weimaraners é outra raça que pode não ser a melhor pedida se você tem crianças pequenas, além de outros motivos. Sua natureza e níveis elevados de energia causam que eles, de maneira não intencional, derrubem os pequenos. Criados como um cachorro de caça, eles ficam entediados facilmente, e precisam de atividade e amor constante de seus donos. Para dar conta das necessidades do seu Weimaraner, e dar conta das suas crianças pode ser um pouco demais.

Weimaraner

Pastor Australiano

O Pastor Australiano é outro que precisa de muito exercício. Criados como cachorros de guarda e para resgate em situações de desastres, esses filhotes precisam de caminhadas diárias e corridas, ou talvez seu cachorro pode vir a desenvolver problemas de comportamento. Com crianças pequenas para cuidar, as necessidades dessa raça pode ser um pouco demais da conta. Pastores Australianos também criam problemas ao conhecer novas pessoas e ficam desconfortáveis, o que pode ser problema ao trazer os amiguinhos dos filhos em casa.

Pastor Australiano

Husky Siberiano

Huskies Siberianos Siberian são outros que tem uma fonte inesgotável de energia. Sua personalidade forte e desejo por afeto fará com que ele compita com as crianças por atenção. Se você quer um cachorro de guarda para proteger sua família, o husky siberiano não é o cachorro certo para você. Já que eles foram criados originalmente como puxadores de trenós, eles não têm o menor desejo de guardar sya casa. Mas, com o treinamento apropriado, e muita paciência, essa raça pode ser perfeita para você e sua família.

Husky Siberiano

Affenpinscher

Affenpinschers são conhecidos por sua natureza brincalhona e engraçadinha. Essa raça é conhecida como o palhaço dos cachorros, conhecidos por serem travessos e inquisitivos. Já que são bem pequenos, crianças geralmente os tratam como bichinhos de pelúcia, e os tratam de maneira inadequada. Mesmo que eles sejam bons em se defenderem sozinhos em uma briga, eles podem ser bem descomportados quando se sentem desconfortáveis. Mas olha só essa carinha! Não podemos sequer culpar as crianças por confundi-los com brinquedos.

Affenpinscher

Chow Chow

Como já era de se esperar, 99.9% das crianças confundem um Chow Chows com um bichinho de pelúcia; olhe só toda essa fofura! Apesar de não podermos negar que são de fato muito fofos, eles são bem grandes, e a possibilidade de eles nocautearem uma criança é muito grande. Chow Chows também são muito ligados aos seus donos, e podem ser muito ciumentos quando outras pessoas interagem com os donos e pessoas que amam. Não se surpreenda se eles competirem com seus filhos por amor e afeto.

Chow Chow

Galgo Afegão

Os Galgos Afegãos, originados do Afeganistão, são cachorros que requerem um líder forte em suas vidas. Essa raça foi originalmente criada como cachorros de guarda e de caça. É muito importante ser amável, calmo e controlado enquanto interagindo com os galgos Afegãos… não são os melhores cachorros para crianças pequenas, que ainda não tem muito controle sobre si mesmos. Seu tamanho também faz com que ele seja um perigo para os pequenos.

Galgo Afegão

Pastor Alemão

O Pastor Alemão não é apenas leal, mas também obediente e inteligente. Seu alto nível de inteligência e agressividade são os motivos que fizeram com que essa raça fosse escolhida para ser usada na aplicação da lei. Companhias de seguro sabem sobre a sua agressividade e pensam duas vezes antes de aceitar famílias que tenham esse cachorro. Mesmo que exista a possibilidade de eles serem excelentes animais de família, eles são muito grandes e poderosos, e podem atacar de maneira inadequada.

Pastor Alemão

 

Galgo Inglês

Graças aos seus alto níveis de energia e velocidade incríveis, essa raça foi criada para serem os melhores em corrida. Eles requerem corridas constantes, o que pode ser difícil para pais cuidando de crianças pequenas, pois não é nada fácil acompanhá-los e cuidar dos pequenos ao mesmo tempo. Eles têm a tendência de atacar animais pequenos, e podem também atacar crianças pequenas. Eles também não toleram crianças abraçando-os ou seguindo-os por aí, e odeiam brincar.

Galgo Inglês

Buldogue Francês

Mesmo que o Buldogue Francês seja brincalhão e cheio de energia, eles requerem muito afeto de seus donos, o que pode custar tempo com os filhos pequenos. Sem aulas de trainamento para atenção e obediência, os filhotes se sentem ignorados e pouco reconhecidos, o que leva à travessuras e até mesmo agressão. Para aqueles que têm um buldogue Francês, ou para que os que pensam em adotar um, assegurem-se que seus filhos mostrem ao cachorro quem é o dono… isso é muito importante.

Buldogue Francês

Spaniel Japonês

Esses cachorrinhos adoráveis foram originalmente criados como cachorros de companhia para a realeza, então é super compreensível que eles demandem muito afeto dos donos. Assegure-se de não mimar seu Spaniel Japonês demais, já que assim ele terá a sensação de que eles são os donos, e não você. Eles também são conhecidos por serem uma raça de cachorros super ciumentos. Imagina só ter um bichinho desse mimado e você tendo que dizer não. Dever ser difícil.

Spaniel Japonês

Shih Tzu

Shih Tzus ficam super animados e assustados muito facilmente. Quando as crianças brincam de uma maneira mais bruta, ou os surpreendem por trás, eles podem ficar bem agressivos e morder. Shih Tzus também desenvolvem anxiedade de separação de seus donos quando são deixados em casa sozinhos por muito tempo, então é melhor que os donos sejam ou aposentados ou que sejam alguém que trabelhe de casa. Eles também escolhem apenas um dono e são muito super protetores com eles.

Shih Tzu

Pequinês

Apesar de sua aparência bonitinha e sua estatura deixarem espaço para dúvidas, os pequineses são cachorros corajosos e independentes. As crianças geralmente gostam de abraçar e segurar seus cachorrinhos no colo, mas um pequinês não quer nada disso, de maneira alguma. Se você decidir que um pequinês é o cachorro certo para você, assegure-se de que seus filhos sejam autoritários com o cachorro e que saibam dos instintos animais que o cachorro possui.

Pequinês

Jack Russell Terrier

O Jack Russell Terrier é uma das raças de cachorros com mais energia por aí. Os Jack Russells terrier, assim como os Shih Tzus, também detestam brincadeiras brutas, então se seu filho decidir puxar seu rabo ou cutucá-lo em um lugar que o cachorro não gostar, eles se defenderão mordendo. Eles também são muito protetores com seu próprio território, então ensine seus filhos a respeitar o território do seu Jack Russel terrier, para evitar problemas.

Jack Russell Terrier

Shar Pei Chinês

Apesar de toda a pele e fofura extra do Shar Pei fazer com que ele pareça muito fofo e adorável, eles causam muitos problemas. Veja bem, essa raça sofre de vários problemas de saúde, principalmente nas dobras de pele, onde acumulam fatores patogêgicos e alergênicos. Crianças podem ficar frequentemente doentes, contaminadas pelo cachorro, o que pode ser um verdadeiro pesadêlo para os pais. Eles também podem ser bastante agressivos, fazendo com que seja muito difícil de treiná-los.

Shar Pei Chinês

Dachshund, Ou O Cachorro Salsicha

O Dachshund foi originalmente criado para caçar animais pequenos, então faz sentido que ele não se dê bem com animais de estimação pequenos, como gatinhos e hamsters. Muitos deles também têm a famosa síndrome do cachorro pequeno, compensando sua pequena estatura com o seu mau comportamento. Eles apenas são bons com crianças caso brincadeiras elaboradas não estejam envolvidas, pois eles as detestam. Além disso, tome cuidado ao segurá-los, pois eles tendem a ficar agressivos se segurados da maneira incorreta.

Dachshund, Ou O Cachorro Salsicha

Dálmata

Dáltamas são outra raça que foram originalmente criados como cachorros de guarda e caçadores de pequenos roedores. Dáltamas são também reservados com outros cachorros, e requerem amor e socialização constantes do seu dono. Esses adoráveis cachorros com pintinhas são conhecidos por morder e arranhar caso não ganhem a atenção que achem necessária. Caso você tenha filhos mais velhos, talvez esse seja o cachorro ideal para você, já que eles precisam de um dono com muita energia, pois precisam de exercício de maneira regular. Imagina só se fossem 101!

Dálmata

Mastim Napolitano

Apesar da grande estatura do Mastim Napolitano, os cachorros desta raça na verdade são conhecidos por serem bastante amáveis. Enquanto crianças mais velhas digam que essa raça mostra bastante afeto, pais geralmente percebem que os cachorros sem querer sentam-se, pisam ou derrubam as crianças menores… eles são na verdade bem atrapalhados e desestrados. Eles também têm a tendência de babar muito, então invista em várias toalhas. Alguém já ouviu falar em babador para cachorro?

Mastim Napolitano

Skye Terrier

Skye Terriers, originados da Escócia, não são apenas seguros de si e destemidos, mas também são agressivos com outros cachorros. Os Skyes terrier requerem muito amor e afeto, e farão um baito de um dramalhão se não o receberem, latindo, cavando e mastigando o que virem pela frente. Eles gostam de caçar pequenos animais, então talvez essa não seja a melhor raça para se ter quando se tem filhos pequenos em casa.

Skye Terrier

Akita

Akitas foram criados no originalmente no Japão como cachorros de guarda. Sua agressividade e sua hostilidade com estranhos faziam deles muito bons candidatos ao trabalho. O problema com o Akita em uma família é que eles geralmente veem crianças como intrusos… e os amiguinhos dos seus filhos? Pode esquecer! Já que o Akita é uma raça de cachorro com suas vantagens e desvantagens, os pequenos devem ter cuidados especias com ele.

Akita

ANÚNCIO